Mensagem de um cão desesperado

Olá, eu sou um cão que mora numa varanda.

Bem, se calhar até nem moro aqui, mas passo muito, muito tempo nela.

Os meus donos mudaram-se para cá há pouco tempo e tenho passado muito tempo na varanda.

Fico aqui ao frio e já apanhei chuva também.

Eu até nem faço muito barulho enquanto estou aqui, mas de vez em quando tento ladrar e uivar por ajuda e esgravato na janela para tentar entrar, mas é inútil, ninguém me liga nenhuma…

Os meus donos foram-se divertir no fim de semana inteiro durante a passagem de ano e chegaram hoje a casa.

Eu fiquei o tempo todo aqui fechado, sozinho.

O meu dono aproximou-se da varanda há pouco enquanto eu tentava entrar, mas limitiu-se a fechar-me o estore e a deixar-me cá fora na mesma.

Ainda esgravatei no estore para tentar entrar mas ninguém me ligou nenhuma…

Eu sei que há vizinhos que já repararam em mim e já apresentaram queixa à polícia e denunciaram ao IRA, que ficou com o caso assinalado.

A polícia não quis saber de nada, mas eu tinha ouvido dizer que apareceram umas regras que dizem que os donos devem tratar bem os seus animais.

Não percebo porque é que os meus podem continuar a tratar-me desta maneira…

Só me resta continuar a esperar aqui fechado sem saber o que me vai acontecer.

  • Comentar