Piscinas feitas a partir de contentores reciclados, e que se montam em minutos

Se podemos transformá-los em casas, então certamente poderemos transformar contentores de transporte num dos melhores acessórios para as nossas casas.

Uma empresa está a fazer exactamente isso, e criou o que chama de “piscina do futuro”. A “Modpools”, uma empresa canadiana, é a responsável por estas piscinas que utilizam a “rigidez estrutural de um contentor de transporte modificado, para fornecer aos utilizadores finais uma piscina amovível”.

A Modpool promete uma configuração que demora apenas alguns minutos a montar, e que pode ser usada todo o ano. Para isso, desenvolveu controles capazes de aumentar a temperatura da água até 30 graus por hora, desde a temperatura inicial de -10 graus Celsius.

E porque esta é uma inovação do século XXI, podes controlar a temperatura, jatos e iluminação a partir do teu smartphone.

Paul Rathnam, dono da Modpools , falou com o site Digital Trends sobre o uso criativo destes caixotes gigantes, e se deveria ou não investir num.

“Os contentores são naturalmente duráveis, ​​e estruturalmente sólidos”, disse o responsável à Digital Trends.

“Reutilizar um contentor de transporte reduz a pegada de carbono, e transforma algo que já não é útil, em algo capaz de proporcionar bem estar”.

As Modpools têm apenas 50 por cento do custo de piscinas convencionais, e vêm com uma banheira de hidromassagem, e área de piscina que pode ser separada nos meses frios.

Podes saber mais sobre estas piscinas no site da Modpools. Os preços começam nos $26,900 dólares, cerca de 24.750€.

Confere o vídeo:

  • Comentar